Diplomacia

Por um modelo nórdico de relações internacionais

Detalhe da arquitetura Art Nouveau do Edifício Ronsenbad, onde fica o Departamento de Estado.

Os rumos da diplomacia nórdica foram definidos na “Exortação Principesca Sobre a Política de Relações Exteriores”, documento de caráter histórico datado de maio de 2018, no qual se estabeleceram os pilares de nossa política de relações exteriores:

1- Defesa intransigente das boas práticas micronacionais, com base no respeito ao hobby e aos micronacionalistas, na seriedade com as relações simuladas no micronacionalismo e na busca de uma simulação política, diplomática e cultural de excelência;

2- Atuação internacionalista pois acreditamos que o micronacionalismo é um hobby que se faz em grupo, e a experiência completa da prática micronacional passa pelo exercício das atividades internas e externas das micronações;

3- Promoção do multilateralismo enquanto princípio filosófico da prática diplomática nórdica, buscando promover, participar e defender os mecanismos e as instituições internacionais coletivas (de âmbito regional ou mundial) para a construção de soluções para as querelas que afetam todo o hobby.

Micronações Reconhecidas pela Departamento de Estado

  • Reino da França
    • Tratado dos Pioneiros de maio de 2018
  • Reino Semita da Escorvânia
    • Tratado de Reconhecimento Mútuo entre o Reino Semita da Escorvânia e o Principado Aristocrático de Terranova de maio de 2018
    • Memorando de Belen de junho de 2019
  • Sacro Império de Piratini
    • Tratado de Reconhecimento Mútuo entre o Sacro Reino de Piratini e o Principado Aristocrático de Terranova de junho de 2018
    • Memorando de São Miguel das Missões de junho de 2019
  • Império Alemão
    • Tratado de Solaris de dezembro de 2018
  • Reino do Manso
    • Tratado do Manso de fevereiro de 2019;
  • Império Deltariano
    • Tratado Deltariano de março de 2019
    • Memorando de Leifsborg de maio de 2020
  • Principado de Andorra
    • Tratado de Estocolmo de abril de 2019
  • Reino da Espanha
    • Memorando de San Lorenzo de maio de 2019
  • Reino da Itália
    • Tratado de Trondheim de julho de 2019;
  • Estado da Cidade do Vaticano
    • Tratado de Nidaros de janeiro de 2020

Por meio do Tratado de Neuschwanstein:

  • Reino da Jugoslávia
  • Reino Unido de Portugal e Algarves – RUPA
  • Império Russo

Organizações Internacionais:

  • Comunidade dos Microestados Lusófonos
  • Congresso de Füssen (Tratado de Neuschwanstein)
  • Organização das Micromonarquias Lusófonas – OML
  • Comissão Internacional do Tratado de Queluz (observador)
  • União das Nações Micronacionais – UNAM (observador)
%d blogueiros gostam disto: